Aos 27 anos, Amy Winehouse é encontrada morta


Aos 27 anos, Amy Winehouse foi encontrada morta em Londres. De acordo com a imprensa britânica, a cantora foi achada morta neste sábado (23) em seu apartamento no bairro de Camden.
Não se sabem ainda as causas de sua morte. Segundo o tabloide Daily Mirror, uma ambulância foi chamada por volta das 16h05 (horário local) para socorrê-la em seu flat. Em comunicado oficial, a Polícia Metropolitana de Londres confirmou a morte da cantora.


Corpo é retirado da casa da cantora inglesa Amy Winehouse na tarde deste sábado (23). Ela foi encontrada morta, aos 27 anos de idade. Saiba mais
Corpo sendo retirado do Apartamento na tarde deste sábado (23)
- Quando chegaram ao local, os oficiais encontraram o corpo de uma mulher de 27 anos, declarado morto no local. As investigações sobre as circunstâncias da morte continuam. Nesta fase inicial, a morte está sendo tratada como 'inexplicável'.

O primeiro disco de Amy, Frank, foi lançado em 2003. Três anos depois, ela estourou com o álbum Back to Black, com hits como Rehab, Back to Black e You Know I'm No Good. 
Escândalos

Além da voz poderosa, a cantora ficou marcada pelos escândalos. A imagem de uma Amy desgrenhada, com maquiagem borrada e estado deplorável se eternizou em capas de revistas e de tablóides. Em 2008, ela foi filmada usando crack. Logo em seguida, foi internada em uma clínica de reabilitação, onde passou a ser vigiada 24 horas por dia.

As brigas com o namorado, as gafes em shows e o histórico conturbado de uso de drogas e de álcool são indissociáveis da figura da artista. Nos últimos meses, segundo a imprensa local, a situação foi se agravando. Não bastasse, rumores davam conta de que ela estaria sofrendo de problemas cardíacos.

No mês passado, Amy cancelou turnê na Europa após ser vaiada em apresentação desastrosa na Sérvia.
No fim de 2007, Amy se apresenta em uma cidade da Califórnia, nos Estados Unidos, com um copo de bebida alcoólica
No fim de 2007, Amy se apresenta em uma cidade da Califórnia,
nos Estados Unidos, com um copo de bebida alcoólica
Repercussão

Elogiada e prestigiada ao redor do mundo, Amy vai deixar um vácuo na música pop recente. De acordo com o produtor Carlos Eduardo Miranda é uma perda inestimável para a música, pois ela "abriu caminhos para uma música pop pouco estereotipada".

- Amy trouxe de volta à música pop algo de alma, de entrega que há muito não se via. Foi justamente esta entrega que a levou. É uma pena que uma carta marcada, que todo mundo já esperava, acontecesse de fato.

Nelson Motta, escritor e produtor musical, diz que há duas décadas não se via uma cantora como Amy.  
- Ela é a melhor cantora que apareceu nos últimos 20 anos. Grande compositora e letrista, que apresentou a vida de forma confessional. Uma artista extraordinária, uma doidona como tantos que morreram aos 27 anos. A droga não dá talento a quem não tem. Amy é uma que morreu aos 27 anos, mas Keith Richards continua aí dançando. Isso não tem nada a ver.

O produtor Marco Camargo, que está fora do país, lamentou a morte e disse que o episódio mostra mais um grande artista sendo vencido pelo poder dos entorpecentes.
- Mais uma vez, o mundo das artes perdeu para o inferno das drogas


Veja um de seus Sucessos: "Rehab" (No No No)


Postar um comentário

0 Comentários