Rádio comunitária é incendiada no município de Ibicoara

Direção da emissora desvincula incêndio criminoso à greve na PM (Foto Blog do Anderson)

A Rádio Comunitária Ibicoara FM foi vitima de um atentado criminoso na madrugada de quarta-feira (8). O diretor da emissora, Emerson Silva Bispo, em nota pública endereçada à comunidade da região descarta a ligação do ocorrido à greve dos policiais militares, porém, levanta a hipótese de ter sido praticado por questões de ordem política.
A Rádio Comunitária Ibicoara FM, funcionando há 15 anos, é apontada como importante meio de comunicação para a comunidade local. “A um mês e meio entrou no ar o programa intitulado A Voz da Cidade, destinado ao contato direto com o ouvinte, relatando as suas dificuldades do dia-a-dia, alertando as autoridades de desenvolver políticas públicas para a melhoria da população”, enfatiza a nota pública assinada pelo diretor Edmilson Bispo, sugerindo que a audiência alcançada pelo novo programa, “despertou a ira de lideranças políticas do município”. 
A porta de acesso à emissora foi arrombada na madrugada de quarta-feira, com a utilização de uma chave de fenda grande, tendo os autores do atentado utilizado álcool para atear fogo em móveis, utensílios e equipamentos que foram totalmente destruídos pelas chamas, “toda estrutura conquistada em mais de 15 anos de luta foi perdida nessa tragédia”, lamenta Bispo. O município de Ibicoara está localizado no centro-sul da Bahia, na região de Seabra e tem uma população de 17.301 (Censo 2010/IBGE). 


Do Jequié Repórter



Postar um comentário

0 Comentários