Município constrói barragem subterrânea na zona rural em Paraíso



O município de Jacobina está construindo uma barragem subterrânea na zona rural de Jacobina, como forma de amenizar os efeitos da seca, em períodos graves como o que se está vivendo agora, resultado da maior estiagem dos últimos 50 anos.

As barragens subterrâneas são de extrema simplicidade e apresentam excelentes resultados, ajudando a manter a umidade do solo, especialmente em nossa região que possui rotina pluvial bastante irregular.

As barragens subterrâneas são usadas como uma alternativa para evitar quebra na produção – voltada especialmente para a subsistência das próprias famílias. A técnica não é nova. A mais disseminada na região é uma adaptação de conceitos seculares, passados inicialmente de forma empírica.

As barragens não são depósitos para a coleta de água, mas uma forma de manter a umidade nos poros do solo. A construção é relativamente simples, mas a eficácia depende da declividade, tipo de solo, profundidade e salinização. Uma vala profunda e estreita é aberta até atingir uma camada maciça do solo. Dentro dela, é instalada uma lona presa ao fundo que vai funcionar como uma barreira. O solo é recolocado na vala e a cobertura plástica forma um muro de contenção que evita o escoamento da água, mantendo o solo úmido por mais tempo.


A área de influência da barragem depende de sua extensão e da quantidade de chuvas no ano. Segundo o agrônomo Flávio Mesquita, em anos de precipitação bem distribuída a barragem pode garantir uma segunda colheita. “A primeira é irrigada pelas chuvas do período, e a segunda pelo prolongamento da umidade assegurado pela barragem”, conta.

“A barragem que está sendo construída na zona rural do Paraíso, é uma iniciativa do município de Jacobina, em parceria com o SINPRORUR, Sistema FAEB, e Programa ‘Viver bem no Semi-Àrido”, afirma Zezinho Veloso, Secretário Municipal de Agricultura de Jacobina, acrescentando que, mais para frente, outra barragem subterrânea pode vir a ser construída.


ASSCOM PMJ.



Postar um comentário

0 Comentários