Problema no sistema da Caixa permitiu saques do Bolsa Família antes da data

Roberta Costa/Acorda Cidade

Os terminais de autoatendimento da Caixa Econômica Federal ficaram lotados na noite do último sábado (18) devido ao boato de que o Programa Bolsa Família iria acabar. O secretário de Desenvolvimento Social, Ildes Ferreira, tranquilizou os beneficiários garantindo que nada iria mudar. O governo federal, através de nota, desmentiu os boatos sobre a suspensão de pagamentos e assegurou a continuidade do programa.

Na manhã desta segunda-feira (20), o superintendente da Caixa Econômica Federal, José Raimundo Cordeiro Junior, esteve no programa Acorda Cidade e explicou que um problema no sistema da Caixa permitiu os saques fora da data. 

“Houve uma imprevisibilidade que rodou o arquivo do Bolsa Família para todas as datas ao mesmo tempo. A gente sabe que cada beneficiário tem sua data específica para sacar. Esse mês rodaram todos de vez”, afirmou. 

O superintendente da Caixa ressaltou que o problema já foi corrigido e que o calendário voltou ao normal. Ele informou que não existe a possibilidade da mesma pessoa receber o benefício duas vezes e afirmou que quem for tentar receber fora da data não vai conseguir fazer o saque.

“É impossível alguém ter recebido duas vezes e as pessoas que já sacaram fora da sua data, não vão mais receber quando, verdadeiramente, chegar a sua data. Ela só irá receber no mês que vem, que é do seu direito. De alguma forma o erro chegou aos ouvidos da população e algumas pessoas sacaram. Foi agregado a isso, o boato de que o programa estaria acabando. Isso não é verdade, esse é o principal programa do Governo Federal e a tendência é que ele seja fortalecido”, ressaltou.

José Raimundo afirmou que o boato foi fortalecido e divulgado através da internet e que a Caixa e o Governo Federal já estão tomando as providências para identificar os autores. “A população pode se tranquilizar”, enfatizou. 

Fonte/Reprodução: Acorda Cidade
Foto: Roberta Costa/Acorda Cidade



Postar um comentário

0 Comentários