Prefeitura de Jacobina realiza reperfilamento na BR 324



A prefeitura de Jacobina, através da secretaria de Obras realiza ação de reperfilamento do trecho Paraíso ao Junco. O asfalto está em situação precária, por isso, está sendo realizado o serviço emergencial para melhorar as condições de trânsito de veículos e evitar acidentes.

Recentemente o prefeito de Jacobina encaminhou vários ofícios ao Ministério dos Transportes, em que solicita, o mais breve possível, o início das obras de recuperação da BR 324, especialmente no trecho entre Capim Grosso e o distrito de Lages do Batata.

O ministério já determinou que neste mês de janeiro, será lançado a licitação, e fevereiro iniciarão as obras, caso não haja impedimento proposto por alguma das empresas não vencedoras no processo licitatório.

A 324, no trecho citado, está em estado lamentável, obrigando motoristas a trafegar por estradas vicinais que a margeiam, tal o número de buracos. Recentemente, cidadãos interditaram-na próximo à Lages do Batata, e há rumores da possibilidade de realização de outras manifestações, se o problema não obtiver a mais urgente solução, que agora parece surgir, de acordo com a promessa do ministro César Borges.

É importante ressaltar que a partir do próximo dia, 06, será iniciada a operação de reperfilamento de algumas avenidas da cidade. São ações temporárias, até que o processo licitatório seja concluído.


ASSCOM/PMJ.



Postar um comentário

2 Comentários

  1. Demoraram até de mais pra tomar essa providencia!!

    ResponderExcluir
  2. Infelizmente, Demora tanto pra fazer e ainda faz mal feito.
    Moradores reclamam da falta de respeito em colocar apenas areia na estrada para tapar os buracos. A poeira toma da rua conta e invade nossas casas. Isso só nos trouxe prejuízos porque temos que viver trancados por causa da poeira e da rua quando os carros passam, e além disso, quando chover com certeza essa areia vai sair e os buracos vão voltar a se exibir. Lamentável, mas o Sr. Prefeito pensa que o povo é bobo e não reconhece suas más obras. Obras de engano.

    ResponderExcluir