Jacobina ganha três novos equipamentos de Saúde





“A Unidade de Pronto Atendimento Josefa Maia da Silva é o sonho dos que querem bem a Jacobina, dos que gostam da sua população, dos que pensam no mais carentes, dos que apostam no Sistema Único de Saúde”. Com estas palavras a secretária da Saúde do Município de Jacobina, Dailane Santos, entregou a UPA 24H à comunidade jacobinense na tarde do sábado, 24.

Emocionada, antes de descerrar a faixa inaugural, Dailane completou: “É com muito orgulho que entregamos nossa UPA 24H, equipamento fundamental para salvar vida e que já deveria ter salvado outras vidas, caso outros gestores tivessem ouvido a voz das ruas e a dos técnicos”.

A inauguração da UPA 24H, Tipo II - só cinco municípios na Bahia foram contemplados com este equipamento -, aconteceu um dia depois da entrega da Unidade Básica de Saúde (UBS) de Roçado de Caatinga do Moura. Com a inauguração, o distrito de Caatinga do Moura passa a contar com duas UBS.

Ainda na tarde do sábado, a localidade de Lages do Batata recebeu também a sua segunda UBS, com a equipe de saúde completa: médico, enfermeira e técnico de enfermagem, com atendimento diário, de segunda à sexta. Com a inauguração das duas novas unidades (Roçado de Caatinga do Moura e Lages do Batata), Jacobina passa a contar com 20 UBS/PSF com uma cobertura na atenção básica de mais de 90% da população do Município.

“Nós, os técnicos, sabemos da necessidade do fortalecimento da atenção básica, da rede de urgência e emergência, junto com o SAMU e o Hospital Municipal que bem estruturado, especialmente com a UTI que será inaugurada em breve, passa daqui por diante a ter uma função específica”, ressalta Dailane, que também é Enfermeira.

O atendimento na UPA 24H teve início na manhã deste domingo, 25. Apta a realizar atendimentos de urgência e emergência, intermediários entre as UBS e o HMATS, a unidade dispõe de especialidades de clínica médica e pediatra, exames de Raios-X, eletrocardiograma (ECG), eletroencefalograma e atendimentos considerados simples, como febre e dor de cabeça, até infartos e acidente vascular cerebral.

O valor para o funcionamento da UPA 24H é algo em torno de R$ 500 mil/mês, o Governo Federal cobre pouco mais de R$ 150 mil, o restante será todo mantido pelo Município. O mesmo acontece com as UBS/PSF, o gasto com as equipes de saúde é de R$ 36 mil, o governo repassar R$ 6 mil. 

Fotos: Felipe Marcondes


Postar um comentário

0 Comentários